Soldados de Jesus.

faithÍndia aqui hoje para falar para cada irmão que está aqui, que o que escutaram e viram aqui na noite de hoje e sao poucas pessoas que tem oportunidade de viver o que estão vivendo aqui  hoje. E que, como irmão Peão falou, que tudo vem na hora certa, e tinham que estar aqui, porque tinham que ouvir. E exemplo de Santa Sara é para que os irmãos nunca mais esqueçam, e nunca tenham dúvida do que a fé pode fazer na vida dos irmãos.

Hoje, Grande Corrente Cigana aqui, com outras correntes, cada irmão que está aqui teve um irmão de luz do seu lado, e o que corrente sente, e ainda vê é que muito dos irmãos que vieram aqui, tem o coração ainda com dúvida, com desânimo – não estão sabendo olhar os sinais que corrente está deixando para cada um. O exemplo que foi dado aqui é para que vocês nunca mais tenham dúvida. Se tiverem – porque memória às vezes trai os irmãos – mas tudo que foi dito aqui hoje vai ficar gravado em lugar que os irmãos tem e que podem ler e reler na hora que quiserem, que é onde ficam escritas todas as reuniões daqui.

E que os Irmãos não esqueçam do dia de hoje, de tudo que foi falado, e que tenham em mente que cada um aqui tem capacidade de enfrentar o que for, se souber levantar a cabeça e seguir a orientação de Grande Pai. Índia não quer ver ninguém aqui com desânimo, ninguém desistindo de nada, porque cada um aqui já é abençoado pelo Grande Pai por fazer parte da Grande Corrente. Índia pede para que Grande Manitu que abençoe a todos.

INDIA

ENCERRAMENTO

PEÃO: Mãe India, com toda a sua força e sabedoria, que o Mestre dos mestres te guie cada vez mais, com toda esta sabedoria, assim como muitos aqui, espírito antigo, também a gente juntos, que possa cumprir aquilo que foi designado para nós. Vá em paz e que a Santa Sara e a Santa Luzia te abençoem.

PEÃO:  Lakota, índia pura da força, da beleza, da energia maior, que faz com que os olhos que olham para ti sejam ofuscados por tanta luz que tem, também te agradeço da mesma forma, com toda esta energia. A energia da energia, pura, através de ti. Vá em paz, irmã lakota e que a Santa Luzia e Santa Sara te abençoem.

Mãe Cabocla, da mesma forma, assim como nós também espírito antigo, nós só temos a agradecer pela força que tem, pela sabedoria, por formar o seu exército com colunas que não caem jamais. Formando o seu exército cada vez mais forte, dentro da Justiça sagrada, imposta por aqueles que tem a boa vontade. Agradeço a ti, Mãe Cabocla, por tudo e por toda a sustentação. Vá em paz, que a Santa Sara e Santa Luzia te abençoem.

PEÃO Irmã Viviane, está pronta  para leitura? Estou. A mão esquentou um pouco? Bastante. Pode fazer a leitura do que foi deixado.

CIGANO

Que a passagem na Terra não seja só um caminho percorrido mas também um caminho trilhado pela fé e pelos ensinamentos deixados pelo Pai, pois somente assim serão capazes de erguer-se até o céu e conquistar o mais alto.

Somente aqueles capazes de compreender que a fé é o único meio de crescimento serão capazes de cumprir os eu caminho. Não há montanha que não possa ser escalada mas, infelizmente, há aqueles que não conseguem enxergar a montanha. Sejam firmes em sua fé e os seus caminhos  seguirão sob a guarda dos soldados de Jesus.

Psicografia por Viviane

PEÃO

Soldados de Jesus… Irmã Viviane, te agradeço pela sensibilidade que você tem contida em você mesma, pelo trabalho feito, onde traz as palavras na medida certa, pelos espíritos que se apresentam aqui nesta Casa, continue sempre com esta conexão que você tem com aqueles que se aproximam, para que possa cada vez mais confortar e ajudar aqueles que precisam. E até mesmo salvar muitos no seu caminho. Toda a corrente só tem a agradecer. Que a Santa Luzia e Santa Sara te abençoem.

Soldados de Jesus, visto na montanha maior como foi deixado nas palavras do meu irmão que está aqui, Cigano Jacó, eu posso até falar que o cigano da montanha – por isso escreveu da montanha – onde desta montanha seu exército trabalha pela luz maior, acolhe, mostra, deixa tudo aquilo que é necessário para que vocês caminhem.E na outra montanha é aplicada a lei, que é outro lado. Por isso que diz que uma montanha às vezes não vê a outra.

E como é dito aqui na Terra, e até passado, transpassado por um médium que passou aqui na Terra, infelizmente, infelizmente, às vezes algumas pessoas entendem ou pela lei do amor ou só pela lei da dor, que é aquilo que foi deixado: faz parte do crescimento de cada um ou pelo amor ou pela dor. É claro que todos nós torcemos para que peguem o caminho do amor, onde se for pelo outro caminho, pela dor, a lei é aplicada, a lei é posta para que aprendam o caminho certo. Livres de qualquer coisa, livres até mesmo de si mesmo. E às vezes uma montanha conversando com a outra, onde se encontra um grande caminho, onde naquele momento a luz maior se fez presente no céu, iluminando um lado e outro lado, sem iluminação, praticamente, olhando o que acontecia na Terra. Até que a luz pergunta: mas o que está vendo?

As vezes, eu sinto o que as pessoas fazem com si mesmos e eu fico olhando aqui de cima… às vezes o mal que é feito para alguém, às vezes uma palavra mal colocada, uma mentira feita, uma atitude errada, onde é dada a oportunidade da pessoa mudar, da pessoa transformar.

Eu não estou reclamando , disse o guardião da montanha, conversando com o irmão Jacó. Eu não reclamo do que eu faço até porque eu sei muito bem o que eu tenho que cumprir mas eu sinto quando eu tenho que aplicar a lei, e ser duro e até mesmo presenciar o sofrimento. Eu também sinto mesmo vindo de onde eu venho.

Quando se aplica a lei, só para vocês saberem, a justiça predomina e prevalece em qualquer situação, em qualquer momento de um caminho, porque é a Justiça. E no momento de aplicar não existe pena, não existe dó, não existe nada. Aplica e pronto.

Eu não gosto de misturar certos assuntos, de misturar certas coisas, porque cada um deve saber como caminha. É por isso que certas coisas não se engrenam neste país, por isso – porque a lei é fraca. Se fosse aplicada direito, e as pessoas não fossem corrompidas, seria ótimo. Mas eu detesto misturar as coisas até porque também são desígnios de Deus, vamos colocar assim. Existe um lado e o outro.

Este irmão da montanha, conversando com o irmão Jacó, disse: em compensação, é uma alegria quando a gente que aplica a lei, ou tira uma coisa ou poe outra, quando a pessoa sabe aproveitar, está com aquele sentimento de aproveitar aquilo que está recebendo. Aí a satisfação é maior, aí a gente não mede esforço e passa e ultrapassa qualquer barreira e está no caminho. E sem vaidade nenhuma. Apenas o nosso trabalho é aplicar aquilo que deve ser aplicado dentro da lei.

Em outra oportunidade, para não me alongar muito, eu continuo com a conversa do irmão Jacó em uma montanha, e o outro guardião, que aplica a lei. Em outro momento.

Agradeço profundamente, profundamente, profundamente, em primeiro lugar a toda a Corrente Indígena aqui nesta Casa. Agradeço profundamente ao irmão Cacique, Chefe de guerra que eu respeito muito pelo feito. Onde também é chamado pelo meu povo cigano, toda a corrente indígena, de peregrinos porque também caminhavam, peregrinavam de um canto para o outro, mesmo com tanta Guerra que tiveram, não perdiam a sintonia, como eles falam, com o Grande Espírito – por isso a minha admiração e o meu respeito. Os meus agradecimentos.

Aos médiuns aqui da Casa e a todos que direta ou indiretamente com a vossa energia transformam este lugar em um lugar sagrado, meus agradecimentos.

A todo o povo cigano que está aqui eu só tenho a agradecer até porque cada um vem de um lado, embora todos ao lados levam a um só caminho, eu só tenho a agradecer que vocês – na infinita bondade do irmão cigano maior Jesus Cristo – continuem cumprindo com seu compromisso, com sua responsabilidade, com toda a alegria desta aldeia cigana, para que aqueles que estiverem no caminho de vocês, encontrem alegria, encontrem a força que precisam, encontrem o amor que precisam para serem acolhidos, porque esta força é única e esta força onde todos juntos aqui se transformam em uma força maior. Que a Santa Luzia abençoe a todos vocês, e lembrem na 5ª feira do pedido de cada um.

Que o Cigano dos Ciganos proteja a todos e que a Santa Sara abençoe a todos.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: